Processo Penal: professora aponta assuntos com mais chances de cair na prova do concurso MP SP

O quinto episódio do Central de Dicas voltado para o concurso MP SP é sobre a disciplina de Processo Penal. Na entrevista que já está disponível no canal da CENTRAL DE CONCURSOS no Youtube, a professora Caroline Vilela aponta quais são os assuntos com mais chances de serem cobrados na prova para oficial de promotoria do Ministério Público do Estado de São Paulo.

A especialista em Processo Penal acredita que a prova do concurso MP SP deste ano voltará a cobrar os mesmos conteúdos que caíram na seleção passada, realizada em 2015. Na ocasião, segundo ela, a avaliação contou com quatro questões, uma sobre cada tema a seguir: ação penal, sujeito processual (focando no Ministério Público-SP), Jecrim (Lei 9.099) e Ato Normativo 314 (alterado agora pela Resolução 1.364).

A professora Caroline Vilela também aposta que o Ministério Público-SP voltará a realizar o seu concurso para oficial de promotoria com a Fundação Vunesp, assim como aconteceu em 2015.

“Os candidatos devem estudar com foco nessa banca”, afirma. Apesar disso, ela afirma que os futuros candidatos não devem ficar se preocupando com quem organizará a seleção, mas sim com os assuntos que vão cair na prova. “Eles não têm que ficar se preocupando com a banca, mas sim com o conteúdo programático.”

Segundo ela, a Vunesp é uma organizadora muito técnica, que cobra muito ‘lei seca’. “Por isso, os alunos precisam ler todos os artigos do programa e realizar muitos exercícios”, recomenda.

Além de dar dicas sobre como obter um excelente rendimento na prova de Processo Penal, Caroline Vilela também orientou o estudo dos futuros candidatos do concurso MP SP quanto à Lei de Acesso à informação, conteúdo que faz parte da disciplina de Direito Administrativo. Confira a seguir a entrevista com a professora: