Fim de ano: descansar ou estudar?

Por Viviane Rocha, professora de Planejamento Estratégico de Estudos

As pessoas aproveitam o final de ano para planejar as ações e os novos rumos no ano que se inicia, mas a chegada de 2021 não será como foi a chegada dos anos anteriores. Para alguns, 2021 será a chance de apagar 2020, ano em que tivemos que nos adaptar a um novo normal. Mas, para outros, o ano que está chegando ao fim foi a chance de valorizar o aprendizado e o poder se reinventar, fazer coisas que nem imaginávamos sermos capazes de fazer.

Cada um tem seu momento, uns mais tarde e uns mais cedo, tudo vai de acordo com os obstáculos e dificuldades que a vida nos coloca. Mas em um determinado dia acordamos e tomamos decisões mais certeiras, decisões que nos levarão a “mares nunca antes navegados”, e é nesse momento que respiramos fundo e gritamos: dessa vez será diferente.

            O caminho pode não ser fácil, mas não será assim somente para você. Todos nós tivemos que nos adaptar às mais diversas situações, mas ainda dá tempo de decidir o que fazer nesse final   2020: estudar, planejar e se reinventar para entrar em 2021 mais forte ou simplesmente fechar olhos e já acordar em 2021.

Para muitos candidatos a pandemia trouxe mais disciplina para os estudos e vi alunos mudarem hábitos, estudarem com mais dedicação, criarem rotina de fazer muitos exercícios e simulados e o mais fascinante: manter a motivação.

Como assim manter motivação quando nem se sabe quando teremos algumas provas? O que motivou muitos desses alunos foi a percepção de que o aumento de horas e constância (até porque estamos em quarentena) nas rotinas de estudos e a realização de simulados fez com que os índices de acerto crescessem. E, consequentemente, isso fez com que eles se motivassem a estudar mais e mais.

Sabemos que é muito difícil manter o foco e o entusiasmo nos estudos quando não temos um edital ou previsão de concurso, mas você deve ter atitudes otimistas. Saber qual o seu grande objetivo na vida e ter muito claro tudo o que poderá acontecer a partir da posse no concurso público que você está dedicando seu tempo e energia ajudará você a passar por esses períodos de incerteza.

Enquanto a maioria dos candidatos prefere aguardar a saída do edital para iniciar seus estudos, pense o quanto você sairá na frente dessa maioria iniciando seus estudos antes do edital ser publicado, ou seja, hoje mesmo.

Repense seus planos para 2021 e inclua dar o primeiro passo rumo à carreira pública. Saia do “eu sonho tornar-me funcionário público” para o “eu vou estudar e dedicar-me o suficiente para conquistar uma vaga no funcionalismo público”.

É querer, é renovar todos os dias o compromisso com sua meta.

Você já deve ter ouvido isso muitas vezes, mas vale a pena repetir: os esforços e obstáculos são passageiros, o cargo público é para a vida toda.